GASTRECTOMIA VERTICAL COM INTERPOSIÇÃO ILEAL – INDICAÇÕES E BENEFÍCIOS

GASTRECTOMIA VERTICAL COM INTERPOSIÇÃO ILEAL – INDICAÇÕES E BENEFÍCIOS :A Gastrectomia vertical com interposição ileal é um tema muito discutido atualmente , mas muitas pessoas não sabem sua definição, vamos esclarecer agora, é uma técnica experimental na qual a parte terminal do intestino delgado (íleo) é movida para cima, ficando mais próxima do estômago, assim contribui para maior produção do hormônio GLP-1 , responsável por estimular a produção de insulina e por consequência controla o apetite.

Neste artigo vamos explicar tudo sobre a Gastrectomia Vertical com Interposição ileal , muitos acham que é um procedimento para reduzir peso, mas na verdade sua função é para tratar a Diabetes, recentemente o famoso jogador Romário fez a cirurgia com a intenção de controlar a Diabetes tipo 2, mas como é um processo que diminui o estômago, acaba contribuindo para a redução do peso.

GASTRECTOMIA VERTICAL COM INTERPOSIÇÃO ILEALEssa cirurgia de Gastrectomia Vertical com Interposição ileal foi desenvolvida pelo médico Aureo Ludovico de Paula, famoso por ter realizado o procedimento com o apresentador Fausto silva, da Rede Globo de televisão, que em 2009 fez para também tratar uma Diabetes e automaticamente perdeu peso consideravelmente, a seguir vamos falar um pouco mais e inclusive sobre os riscos que estão sendo levantados pela comunidade médica em geral.

RISCOS DA GASTRECTOMIA VERTICAL COM INTERPOSIÇÃO ILEAL

A Gastrectomia vertical com interposição ileal é uma técnica experimental, ou seja , ainda está em fase de experiências , mas tem chamado a atenção de muitas pessoas que desejam perder peso, mas devemos lembrar que não é uma questão de estética, sua finalidade é curar doenças como a Diabetes.

Apesar deste procedimento ser maravilhoso para reduzir peso e contribuir repara melhoria da qualidade de vida das pessoas ,precisa ser bem analisado, pois oferece alguns pontos negativos que são também arriscados, como a perda de massa óssea em até 5 %, levando a possibilidade de fraturas.

Mesmo com todas as informações é preciso analisar muito bem , pois o Conselho Federal de Medicina (CFM) ainda não aprovou esta cirurgia, para mais informações acesse o site do órgão http://www.portalmedico.org.br .

You can skip to the end and leave a response. Pinging is currently not allowed.

Leave a Reply

Powered by WordPress